Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Cursos > Técnico em Mecatrônica Integrado ao Ensino Médio > Técnico em Mecatrônica Integrado ao Ensino Médio
Início do conteúdo da página

Técnico em Mecatrônica Integrado ao Ensino Médio

Publicado: Quinta, 16 de Setembro de 2021, 09h39 | Última atualização em Terça, 05 de Julho de 2022, 14h06 | Acessos: 223

DURAÇÃO DO CURSO

3 anos (6 semestres)

 

PERÍODO DO CURSO

Integral

 

COORDENADOR DO CURSO

Cristiano Donizeti Ferrari

 

CONTATO

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

 

CONHECIMENTOS DO CURSO

Como forma de facilitar a compreensão dos conteúdos, os Componentes Curriculares estão agrupados conforme as quatro áreas de conhecimentos gerais: Códigos e Linguagens, Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e Profissionalizante. 

A área de códigos e linguagens é fundamental para que o estudante possa “compreender e usar os sistemas simbólicos das diferentes linguagens como meios de organização cognitiva da realidade pela constituição de significados, expressão, comunicação e informação”. A área de ciências da natureza e matemática e suas tecnologias é fundamental para que o aluno possa “compreender e utilizar as ciências como elemento de interpretação e intervenção, e a tecnologia como conhecimento sistemático de sentido prático”.

 A área de ciências humanas e suas tecnologias é fundamental para que o estudante possa “construir a reflexão sobre as relações entre a tecnologia e a totalidade cultural redimensionando tanto a produção quanto a vivência cotidiana dos homens”. 

A área de formação profissionalizante é fundamental para que o estudante possa se habilitar no exercício de uma profissão. O projeto é fundamental para a integração baseada na relação entre conhecimentos gerais e específicos construídos continuamente ao longo da formação, fundamentado na pesquisa como princípio educativo sob os eixos trabalho, ciência e cultura.

 

ÁREA DE ATUAÇÃO

O técnico em mecatrônica pode atuar em indústrias de bens de produção e prestação de serviços nas seguintes grandes áreas: elétrica, mecânica e informática, integrando processos mecânicos e eletrônicos por meio da computação. Permitindo que o profissional atue no desenvolvimento projetos de equipamentos, máquinas e dispositivos de automação, bem como de sistemas robotizados, além de operar e programar e realizar a manutenção dessas máquinas.

 

EGRESSO

Segundo o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos, o Técnico em Mecatrônica projeta, instala e opera equipamentos automatizados e robotizados. Realiza programação, parametrização, medições e testes de equipamentos automatizados e robotizados. Realiza integração de equipamentos mecânicos e eletrônicos. Executa procedimentos de controle de qualidade e gestão. O egresso atua em processos mecânicos e eletroeletrônicos, com ações de instalação, operação, manutenção, controle e otimização em processos, contínuos ou discretos, localizados predominantemente no segmento industrial, contudo alcançando também, em seu campo de atuação, instituições de pesquisa, segmento ambiental e de serviços. Participa da implantação, intervenção direta ou indireta em processos, além do controle e avaliação das múltiplas variáveis encontradas no segmento produtivo. Traços marcantes são a abordagem sistemática da gestão da qualidade e produtividade, das questões éticas e ambientais, de sustentabilidade e viabilidade técnico-econômica, além de permanente atualização e investigação tecnológica. O técnico em mecatrônica atua nas indústrias com linhas de produção automatizadas, aeroespaciais, automobilísticas, metalomecânicas, plásticos, petroquímicas, manufatureiras, alimentícias, e de energia. Empresas integradoras de sistemas de automação industrial. Fabricantes de máquinas, componentes e equipamentos robotizados. Grupos de pesquisa que desenvolvam projetos na área de sistemas elétricos. Laboratórios de controle de qualidade.

 

ATIVIDADES DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

A Extensão é um processo educativo, cultural e científico que, articulado de forma indissociável ao ensino e à pesquisa, enseja a relação transformadora entre o IFSP e a sociedade. Compreende ações culturais, artísticas, desportivas, científicas e tecnológicas que envolvam a comunidades interna e externa. São exemplos de atividades de extensão: eventos, palestras, cursos, projetos, encontros, visitas técnicas, entre outros.

Assim, anualmente promove-se os eventos: 

• Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, na qual os alunos participam de palestras e/ou oficinas com profissionais da área. Nesse evento também ocorre amostra de painéis dos projetos de iniciação científica desenvolvidos pelos graduandos do câmpus. 

• Semana do Meio Ambiente contempla ações relacionadas a temática de extrema importância para a formação do educando, que é a Educação Ambiental, em atendimento à Lei 9.795/1999. 

• Encontro de Inovação e Empreendedorismo do câmpus Catanduva trata-se de um evento com o propósito de trazer experiências de profissionais na área de inovação tecnológica e empreendedorismo por meio de palestras abertas a comunidade escolar.

 • Semana da Consciência Negra propicia ações de extensão que favoreçam o desenvolvimento de atividades envolvendo a Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana, conforme exigência da Resolução CNE/CP nº 01/2004. 

• “IFShow” evento cultural, no qual a comunidade escolar tem a oportunidade de realizar apresentações diversas, como dança, teatro, música, vídeos, entre outras atividades. 

• “JUNIF” evento cultural, no qual é realiza uma festa junina, expressando a cultura popular do interior paulista, exaltando os hábitos rurais, com participação da comunidade escolar. 

A pesquisa aplicada é desenvolvida através de grupos de trabalho nos quais pesquisadores e estudantes se organizam em torno de uma ou mais linhas de investigação. A participação de discentes dos cursos de nível médio, através de Programas de Iniciação Científica, ocorre de duas formas: com bolsa ou voluntariamente

 

ESTÁGIO

O Estágio Supervisionado é optativo, que visa à preparação para o trabalho produtivo do educando, relacionado à atuação como técnico em Mecatrônica. Assim, o estágio objetiva o aprendizado de competências próprias da atividade profissional e a contextualização curricular com foco no desenvolvimento do educando para a vida cidadã e para o trabalho. Atualmente o conhecimento e as habilidades constituem-se em fonte de vantagem competitiva, incentivando o exercício do senso crítico e estimulando a criatividade. 

 

DOCUMENTOS

Resolução de Aprovação:  76/2015, de 1 de setembro de 2015

Projeto Pedagógico do Curso

Projeto Pedagógico do Curso Atualizado

Fim do conteúdo da página